quinta-feira, março 02, 2006

Diego... quem é Diego?

Em teoria, Diego é um grande jogador! Na prática, em 20 meses de bola, Diego nunca mostrou em dois jogos consecutivos um rendimento que comprovasse aquilo que ele é… em teoria.
Há algo que não compreendo nesta sequência de desabafos do pai do jogador e do próprio jogador, já que Diego afirmou que não tirava uma vírgula às palavras do pai: O facto é que Diego tem sido uma aposta constante dos vários treinadores que têm passado pelo clube. Esta época já participou em 19 partidas, 12 delas a titular… tem quase 1300 minutos nas pernas. Em teoria, o grande Diego, já teve esta época condições de aparecer... mas a prática é outra realidade. O que ainda me confunde mais são as palavras do pai, até parecendo que Diego foi obrigado a assinar o contrato com uma arma apontada à cabeça e que a mesma transferência foi custeada do seu bolso.
Se eu fosse presidente do F.C.Porto, fazia sair um comunicado onde quem quisesse podia ler:
Para memória futura, a F.C.Porto SAD faz saber que o jogador Diego Ribas da Cunha não será transferido até ao fim do seu contrato, a menos que algum clube esteja disposto a pagar 25 milhões de Euros pelo seu passe.

Diego sabe fintar, tem boa capacidade de passe curto e um razoável poder de remate… e daí?
O Diego sabe jogar com a cabeça levantada? O Diego sabe ler o jogo? O Diego sabe defender? O Diego joga no espaço vazio? O Diego joga sem bola?
A todas esta perguntas a resposta é… NÃO!!
Não estou a dizer que o Diego não pode ser um grande jogador… pode. Mas apenas se tiver humildade para reconhecer que ainda tem muito que aprender para ser um jogador de futebol e não se ficar apenas pelos malabarismos circenses!

14 Comments:

Blogger Pedro Reis said...

Excelente post Aníbal!

A verdade é que o Diego não tem tido tão poucas oportunidades como isso e só tem tido rasgos ocasionais de bom jogador.
E nem o facto de estar no FCP numa altura em que tem havido pouca estabilidade, justifica o seu fraco rendimento. Porque Ibson, Paulo Assunção e Lucho só para dar 3 exemplos mostraram quando foram chamados muito maior qualidade sustentada!

Ainda pegando no exemplo anterior, se fosse o Ibson a ter destes desabafos eu ainda entendia... (embora não concorde com a forma como são expressos)

2/3/06 6:17 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Em comparação Diego/Ibson a grande diferença é que o primeiro saíu do Brasil com estatuto de craque , o segundo ninguém conhecia .A dupla Diego e Robinho eram as estrelas do Santos , os meninos bonitos da Vila . Diego tinha um estatuto de super vedeta e pensou que bastaria isso para se impor no FCP .

Há que ter em mente que os brasileiros têm uma certa desconsideração pelo futebol português que apenas serve ( a estas estrelas) como trampolim . Nas palavras do pai do jogador isso fica perfeitamente subentendido .

O Srº Jair que encontre um clube a dimensão ( ou aquilo que ele pensa ser ) de Diego e esse clube não terá nenhuma dificuldade empagar 25 milhões por tamanha vedeta .

2/3/06 6:27 da tarde  
Anonymous Pentadragão said...

Quem é Diego? Uma m*rda de um jogador com tiques de vedeta na qual gastámos uma pipa de massa e que não vale um caracol. Nunca valeu (só lá no Brasil, pelo que dizem...) e já teve muitas oportunidades para o demonstrar. Comigo podia vir o pai, a mãe a tia a avó. Ou dão 25 milhões ou ficas até ao fim do contrato a amochar. E são estes putos mimados que andam dentro de campo com a camisola do F.C.P. FDXXXXX

2/3/06 10:20 da tarde  
Anonymous Marco said...

Aníbal concordo na totalidade com a análise que fazes ao Diego. Também penso assim dele. No entanto, apesar de este não saber ler o jogo, não saber marcar ritmos de jogo, não jogar sem bola (fundamental nestes tempos), penso que se ao menos aprendesse a defender e a meter o pezinho à bola, ainda ia a tempo de se fazer um jogador. Que saudades do nosso último n.º 10....

3/3/06 12:23 da tarde  
Blogger DragãodeÁgueda said...

Concordo no essencial com o que se disse.
Só acho que no mês de maio passado o facto da equipa ter chegado à ultima jornada em condições de disputar o título se deveu muito a ele. E muita pena tenho do Diego desse mês não ter voltado a ser visto com a camisola do dragão ao peito.
Quanto a comparações com Deco.....
http://porto1893.blogspot.com/2006/02/diego.html

3/3/06 4:18 da tarde  
Anonymous Carlos said...

Não concordo que um jogador faça pressão para poder jogar. Exemplos não faltam de jogadores que souberam esperar e que agarraram o lugar, mas não se deve exagerar. O Diego é o único jogador que sabe pegar na bola e construir jogo, que consegue arriscar a finta, outros que têm jogado sabém é jogar para trás e à primeira finta perdem a bola. Enquanto o Diego estava a jogar o FCP estava a jogar bem, lembran-se do jogo com o VGuimarães as assistências que fez e que os outros fartara-se de falhar golos de baliza aberta. Após o jogo com o estrela foi um dos sacrificados, mas outros não sairam da equipa. O FCP sem ele passou a jogar mal...muito mal, e nem sempre o quaresma consegue disfarçar o resto da equipa. No principio da época o Diego quando era titular era sempre o 1º. a ser substituido, a partir daí o FCP não voltava a ser o mesmo, por outro lado o treinador fartou-se de dar oportunidades perdidas a Jorginho, etc. Se o Diego sair do FCP, sortudo do clube para onde for e será mais uma azelhice do P.Costa...

3/3/06 5:31 da tarde  
Anonymous Paulo said...

eu so tenho a dizer umas coisitas em relaçao ao diego. pra mim é um grande jogador k precisa d tempo para s impor no porto. lembram-se do grande jogador k é deco?? sabem kntos anos demorou a impor-se no futebol portugues? 7 anos meus amigos 7 anos e kerem k um miudo d 19 anos chegue e imponha-se de imediato? dem tempo ao miudo pois sera um grande jogador e mto sinceramente espero mesmo k diego fike para mostrar o seu real valor...
a tds um abraxo

5/3/06 12:58 da tarde  
Blogger josefino said...

o diego podera tornar se um grande jogador, mas nunca no clube dos bimbos!so quando jogar num clube q joge a bola a serio!

5/3/06 10:59 da tarde  
Blogger Michael Knight said...

Em resposta ao PAULO com a comparação do Deco:

a) Não me lembro do PAI DO DECO vir para os jornais porque o seu empresário e filhinho PALHAÇO estava a secar no banco.
b) Não me lembro do Deco a arrastar-se em campo e a passar ao lado do TRABALHO dos colegas. Lembro-me do Deco a LUTAR pela melhoria do seu rendimento e forma.


Falando agora simplesmente desta "polémica" do Diego... Chego à conclusão que o Diego é um prototipo do jogador de futebol. Vulgo: "Palhaço".
Tem 19 ou 20 anos e dizem que é número 10. Depois de quase duas épocas no Dragão, de número 10 tenho visto bastante pouco. Eu do numero 10 espero que seja um jogador que organize o jogo, que mude o flanco e que dê bom seguimento às jogadas. Seja no ultimo passe ou no passe que quebre a defesa, quer para um extremo quer para alguém que entre. E quantas vezes é que o Diego faz isto? Quase nenhumas. Aliás, o Diego a soltar a bola nestas condições quase sempre faz a escolha errada, é impressionante. Além disso, é um jogador que continua a bloquear os contra ataques do FCP, por faz com que o futebol seja lento com aquelas voltinhas que não lembram a ninguém.
Em suma, em não sei em quantos minutos de futebol mas este rapaz novo provou absolutamente muito pouco - especialmente para o que vinha rotulado.

E isto, é mau? Certamente não é bom. Mas para mim não seria um problema. Afinal, tem 20 anos e acaba de chegar a um campeonato diferente.
Só se torna mau quando este PALHAÇO e o PALHAÇO do pai dele vêm para a imprensa com declarações destas. O palhaço do Diego esquece-se que está no FCP, clube que de cada 10 Ligas dos Campeões vai a 9, e que tem um dos melhores relvados para a pratica do futebol no mundo. Se há clube que pode ajudar um jogador a crescer e projectar a sua carreira, é o PORTO. Mas não, como quase todos os jogadores de futebol, na cabeça só tem areia e dá nisto. Portanto qualquer palavra de protecção a este projecto de homem é um eufemismo bastante forte.

6/3/06 11:08 da manhã  
Blogger Aníbal Letra said...

Ao que parece o pai de jogador já provocou este tipo de situações quando da saída do jogador do Santos. Este sujeito é do género daquela mulherzinha que está a assistir à parada militar e diz emocionada:
"Que lindo!!! No meio de centenas de tropas... o meu filho é o único no passo certo!"

6/3/06 4:16 da tarde  
Anonymous Kostadinov. said...

Quem não tem dado tempo ao Diego é o próprio pai, não é mais ninguem. Quem perdeu a paciência não foram os adeptos, foi o própio Diego. Sinceramente, é um jogador que aprecio, já o conhecia do Santos e gostava mais dele do que do Robinho.É obvio que nem me atrevo a comparar o Diego com o Magico Deco, não há nada em comum. Aponto apenas uma pequena grande diferença extra - futebol : Humildade.

6/3/06 5:21 da tarde  
Blogger Dragonis said...

Eu sou daqueles que acho que o Diego é grande jogador e que se o nosso clube jogasse num sistema de jogo mais "normal", seria à volta dele que a equipa deveria jogar, o verdadeiro nº10. Aliás, foi para isso que foi contratado a época passada com 19 anos e a missão de ser o patrão do meio campo do Campeão Europeu e fazer esquecer o mágico. Sabemos bem o que aconteceu e Diego até foi do pouco que a época teve de bom. Este ano, seria o da confirmação e com o extra da motivação de ser ano de Mundial e ele ter aspirações a ser convocado - pois parece que no Brasil tem um prestígio que aqui ainda está longe de ter consolidado - mas neste sistema de Adriaanse a verdade é que não tem lugar a titular e com a chegada do Anderson percebeu imediatamente que a época está comprometida.
Tenho pena que queira saír, acho que desperdiçamos um futuro grande jogador mas também não faço ideia de qual é a vontade da SAD, por isso é esperar para ver.
Quanto â forma como isto se está a passar, não me agrada nada a maneira como o pai/empresário do Diego está a lidar com o assunto, mas isto são danos colaterais do blackout.

7/3/06 5:48 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

acho-o um jogador extremamente...rikinho!!!loool...bem em termos futebolisticos é um excelente profissional..e kem diz o kontrario é um grande boi..k possivlmente n faz nada kom a bola nos pes..

22/10/08 4:29 da tarde  
Blogger alexandra said...

III DAI , ELE É LINDO , E É OQUE IMPORTA :D

16/11/09 1:01 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home