quinta-feira, julho 12, 2007

Ibson

Antes de mais perdoem-me por este primeiro post ser tão tardio: espero que a velha máxima se imponha - mais vale tarde que nunca.
O tema que eu quero trazer e que ninguém parece discutir é o Ibson.
Ibson chega ao Dragão em Janeiro de 2005 e encontra uma equipa repartida, desfeita, pelos "saldos" pós-Mourinho. Batalhador, inteligente, mestre a pautar o jogo rapidamente se impõe como o melhor jogador do nosso FCP nessa mesma época.
Depois disso é uma descida a pique: não encontra lugar no esquema de Adriaanse (como tantos outros..) e encontra uma dupla Anderson/Lucho demasiado forte para se poder impôr no Porto 06/07.
Dito isto, e sendo previsível a saída de Lucho, a saída de Ibson não deveria nem ser equacionada! Ibson merece um lugar, ou pelo menos uma oportunidade. Ibson não é tão completo quanto Lucho, nem faz sonhar como Anderson, mas é um box-to-box de tendências ofensivas muito mais forte que Raúl Meireles por exemplo. Interrogo-me porque continua a SAD a apostar em valores desconhecidos, adquirindo 4 médios de valor duvidoso (até prova em contrário!), totalizando o número de médios disponíveis em 10.
Expliquem-me esta política da SAD, em investir os preciosos fundos obtidos a partir da venda de verdadeiros portistas como Pepe em jogadores medianos ou desconhecidos sendo que existem valores concretos e provados que poderiam suprir as lacunas do meio campo; ao mesmo tempo que o maior drama do Porto das últimas temporadas se agrava: a defesa, que já pecava por ter poucos elementos vê-se reduzida em dois centrais, com duas baixas de peso. Onde está o investimento num lateral esquerdo decente? Lino certamente se irá juntar a Mareque, não tem qualidade para jogar num Porto, nada provou para tal. Onde está um grande central para cobrir a falta de Pepe? Ou até um mediano para cobrir a falta de Ricardo Costa? Onde está o grande ponta de lança que não surgiu a época toda, sejamos francos, nem Postiga nem Adriano convenceram, este segundo é um bom supelente, nada mais! Onde está o retorno em termos de mais-valias desportivas para o clube dos 58 milhões que agora lucraram?!
Até quando se arrastará esta política de contratações que depena o nosso balneário? Eu entendo que o mercado fale mais alto e que o Porto sofra com as aliciações de valores monetários bastante atraentes mas há que saber construir, o FCP ganhou dinheiro suficiente DUAS VEZES para montar um plantel de elevadíssima qualidade e só vejo contratações duvidosas de jogadores pouco ou nada conhecidos que acabam sendo dispensados meio ano mais tarde para jogar no Leixões.

Tudo isto para dizer que acredito que o meio campo do Porto seja neste momento o sector mais equilibrado da equipa, mesmo contabilizando a falta de Anderson. Onde está o investimento real nos outros dois sectores sr. Pinto da Costa?

41 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Oh Pedro a venda do Pepe foi ontem.

12/7/07 7:25 da tarde  
Anonymous amorim said...

O problema do Ibson é a boca faladora e o gosto pelos prazeres da noite e isso já terminou no FCPorto com a saida do "rei do gado" Mcarthy, costinhas, decos e Manniches...

quanto aos substitutos, só para jogar à bola, eles vão aparecer naturalmente, é preciso é manter a calma...

12/7/07 7:26 da tarde  
Blogger bLuE bOy said...

dassse, finalmente alguém a pensar como eu... taba a ber que nunca maos... Ibson tem lugar de caras no plantel, com Lucho ou sem Lucho.
O resto, são «negociatas»...
aKeLe aBrAçO,
http://bibo-porto-carago.blogspot.com/

12/7/07 7:49 da tarde  
Blogger pedro said...

anónimo e num clube com a estrutura do Porto vende-se um dos pilares, ou melhor, dois dos pilares do miolo e possivelmente o 3º sem se pensar em quem vem lá? Está muito errado, por muito que sejam 30 milhões, o Porto existe para ganhar, mais do que para ganhar dinheiro, espero que nisso pelo menos estejamos de acordo.

O Deco também era problemático e hoje é para mim o melhor jogador do mundo. Há que pôr-lhe a mão em cima. Só vos posso dizer que moro no Rio de Janeiro, antro de flamenguistas e o Ibson é praticamente um deus entre eles. Não temos ninguém neste plantel que troque a bola como ele, é um Maniche com menos raça mas com mais pés.

Concordo, Ibson tem lugar no miolo, tira facilmente o lugar a Raul Meireles ou Jorginho, os novos ainda não conheço não posso falar. Em meu entender o Jesualdo deveria apostar num triângulo de pendor ofensivo no centro do meio campo com Paulo Assunção a cobrir as costas a Lucho e Ibson.

12/7/07 8:02 da tarde  
Anonymous dragão_de_lisboa said...

Bom, quanto ao Ibson, sou da opinião que ele tem lugar no plantel, e talvez até na equipa, mas ainda mais se o Lucho sair. Estarmos a negociar o Lucho e ao mesmo tempo o Ibson não faz sentido. Isso de que ele sai à noite e tal não passa de uma valente treta.
Relativamente ao resto, concordo com pouco, ou quase nada.
"a defesa, que já pecava por ter poucos elementos(?) vê-se reduzida em dois centrais, com duas baixas de peso" - duas? Só conto uma, a não ser que chames baixa de peso ao Ricardo Costa.
"Lino certamente se irá juntar a Mareque, não tem qualidade para jogar num Porto" - Deixa lá o rapaz jogar uns joguinhos primeiro, antes de o deitarmos abaixo.
"4 médios de valor duvidoso" - Nem Bolatti nem Kaz me parecem de valor duvidoso, entretanto, o Luis Aguiar vem emprestado.
"nem Postiga nem Adriano convenceram, este segundo é um bom supelente, nada mais!" - No Postiga estou contigo, agora o Adriano, tenho de tirar o chapéu a um jogador que nos deu dois campeonatos seguidos (devias mostrar-lhe um pouco mais de gratidão) para além de ser um jogador que foi quase empurrado para fora do clube em Janeiro, quis ficar, trabalhou, não falou para a imprensa... e os resultados são os que se conhecem. É o jogador com melhor média de golos do campeonato português, e os avançados querem-se para isso, por muito que doa a alguns, e não para usarem fitas, brincos ou terem nomes com estilo.
Quanto aos restantes reforços, é obvio que o FC Porto ainda se vai reforçar, sendo que o primeiro é já o Mariano Gonzalez, que é um excelente extremo, que de certeza vai constituir um bom reforço para o Porto.

12/7/07 8:44 da tarde  
Anonymous Jorge said...

Pedro:

Os novos so sao desconhecidos, ou de valor duvidoso, para quem nao os... conhece.
Essa atitude e semelhante a dos madridistas relativamente a contratacao do Pepe, nao o conhecem por isso duvidam do seu valor.

O Ibson teve algumas hipoteses de jogar este ultimo ano e nao convenceu. Gostei de o ver jogar no passado, mas precisa de muita mais garra para fazer parte de um meio-campo que o Jesualdo claramente quer muito forte em todos os aspectos: fisico, tactico e tecnico.
Comparares o Ibson ao Maniche do Porto e muito puxado. o Maniche era eximio quer a recuperar bolas, como a distribui-las e marcar golos, tanto com remates de longe como com penetracoes na area. Era um complemento excelente tanto para o trinco, a defender, como para o medio ofensivo, a atacar.
Acho que a opcao de por o Ibson a rodar noutra equipa e optima, ele precisa de jogar por forma a melhorar o seu jogo. Depois podera voltar ou ser vendido.

Quanto aos adeptos do Flamengo o adorarem, e irrelevante o tipo de futebol jogado no Brazil e bem diferente, os jogadores teem espaco para brilhar e as exigencias tacticas sao bem menores... vide o caso do Diego, que se bem que nao o admita, aprendeu e, pouco a pouco, tem mudado a sua forma de jogar depois de sair do Porto.

12/7/07 8:53 da tarde  
Anonymous Jorge said...

Mais uma achega... Ja que falas em investimentos.

Se estudares economia e financas aprendes que para construir um portfolio de activos com garantias de rentabilidade e preciso diversificar. No mercado financeiro isso consegue-se atraves da compra de diferentes accoes promissoras, no futebol isso obtem-se atraves da compra de varios jogadores promissores com a esperanca que pelo menos um deles venha a materializar-se num bom jogador. E preciso tambem ter em conta que a evolucao de um jogador e muito mais incerta que a evolucao do valor de uma empresa, dai o que tu ves agora como investimentos falhados deverem apenas ser considerados custos de um porfolio que rendeu jogadores como o Helder, Bruno Alves, Pepe, Boswinga, Fucile, Lucho, Paulo Assuncao, Quaresma, Lisandro, Deco, Maniche, McCarthy,...

E preciso perceber um bocado da poda antes de se comecar a criticar a administracao.

12/7/07 9:03 da tarde  
Blogger pedro said...

Eu gosto do Ricardo Costa, sou dos tais que não perdeu a esperança nele, acho que ele podia ter crescido muito e que desmoralizou pelas borradas que fez após o obrigarem a jogar nas laterais.

O Adriano não chega, é preciso uma referência. O Adriano marca alguns golos mas é muito pouco por si só. Pedia-se alguém que nos fizesse sonhar, um super Mário..

Quero que me diga quem já viu o Bolatti jogar o suficiente para dar o nome por ele, ou o Luis Aguiar.. podem estar a dar trunfos nos treinos mas a procissão ainda vai no adro! O Kaz é bom, mas não é nenhum Lucho, Anderson, ou até Ibson, é um jogador bom e ponto final. Para mim não é jogador de Porto, pelo menos no 11 da época passada sem hipótese alguma.

Mariano Gonzalez? Mais médios.. O Porto precisava de um extremo sim, mas não de uma enchente (Bolatti, Luis Aguiar, Gonzalez, Leandro, etc..). Onde está um grande central para colmatar Pepe? Onde está o matador que se evidenciou faltar ao Porto?

12/7/07 9:05 da tarde  
Anonymous Daniel Pinto said...

Eh pá... o Ibson teve oportunidades e não as soube agarrar, nem com Adrianse nem com Jesualdo. Sejamos realistas: na época em que Ibson chegou o Porto era uma equipa de loucos... e "em terra de cegos quem tem olho é rei", e ele soube realmente aproveitar a desorganização que havia na equipa para mostrar serviço. Penso que é jogador de uma técnica individual super evoluída, de espaços curtos, mas o seu futebol não tem comprimento. Não é um recuperador, não é médio de arriscar passes longos, não tem remate de longa distancia e raramente consegue marcar presença na zona de finalização. Penso que Ibson é o típico jogador que chegaria facilmente à selecção brasileira jogando numa equipa brasileira, porque é o típico jogador de futebol muito curto, de muito transporte, de muito "passe para o lado" e pouco passe de ruptura. Penso q o Porto tem é de emprestá-lo a um clube brasileiro, onde ele se valorizará muito e posteriormente vende-lo por bom dinheiro na Europa. Pedro, o Nosso Presidente sabe o que está a fazer, e ao contrário dos ultimos anos, tenho confiança que a política de aquisições está a ser a correcta. Agora, na minha opinião, falta concerteza um central bom, e um ponta de lança que jogue já de caras e faça golos. Vamos ver. FORÇA PORTO!

12/7/07 9:32 da tarde  
Anonymous kit said...

Vocês querem todos as coisas para ontem...
...O pepe foi vendido ontem e já queriam um central hoje. Pelo que se percebe cá fora, o Porto n brinca quando esta a procura de reforços(há coisa de ano e meio pelo menos) procura sempre a alternativa mais barata e depois ainda regateia o preço até o clube vendedor ceder qualquer coisa...

Os reforços ainda nem um jogo fizeram e voces já estão a dizer que não são opções...Se o jesualdo e o Porto decidiram fazer o ibson rodar, é porque o miudo jogou pouco e devia estar a precisar de crescer e ter mais maturidade...se ele sai em detrimento dos reforços é porque os reforços trazem algo que ibson n tem!

Eu lembro-me do jogo com o chelsea. Apesar de se notar que o Porto queria dar mais n conseguia porque qq jogador do chelsea era o dobro fisicamente em relação aos jogadores do nosso meio-campo. Sem provocar faltas(sem dar nas vistas)lol...destruiam o jogo do nosso fecepe.

O meio campo de jesualdo tem de ser forte fisicamente e ser inteligente e rápido no passe(de acordo com o que jesualdo exige no seu estilo de jogo). De maneira nenhuma vejo o ibson a largar a bola mal ela chegue ou então a aguentar investidas dos adversários...viu-se na taça esta época que perdeu uma bola na area por n ser rapido a pensar.

Ainda a procissão vai no adro e já... cruxificaram o(s) cristo(s)

N sejamos tapados como os madrilenos e os anti-madrilenos!

12/7/07 9:37 da tarde  
Anonymous Kit said...

bonito bonito... era ver o manuel da costa de azul e branco.

Se bem que era outro que passado ano e meio e partir muitos corações azuis e brancos.

Que classe que era!
Era perfeito!
Mas não tenho muitas esperanças...parece que vem um sub-20 brasileiro.

Pinto da Costa se me estiveres a ver, mais vale um portugues que um brasileiro, ou n?
Pelo menos seria mais facil despertar o interesse de outros clubes quando ele valesse 30milhoes!

12/7/07 9:45 da tarde  
Blogger ricardo said...

Vou explicar: O Porto lucrou cerca de 70 milhões de euros em contratações, essa é uma realidade. Outra realidade é que o Porto está economicamente falido. O Passivo cada vez aumenta mais, assim como os prejuizos e a responsabilidade é sabem de quem?? Dos sócios!!!! Porque continuam a apoiar e a votar no Pinto da Costa. O Pinto da Costa fez muito pelo clube, elevou-o a um nivel muito alto e agradeço muito por isso, mas ja chega. Esta na hora de sair! E sabem que mais? Este não é o ultimo mandato de Pinto da Costa podem ter a certeza disso, porque no poder ele está protegido. A sua politica de contratações é a grande causa de o Porto estar na miseria, porque todos os anos sao contratos no minimo 10 jogadores, que depois acabam por ser emprestados e passam as suas carreiras a rodar eternamente enquanto o Porto lhes paga os salários. Não há o minimo critério nos investimentos. Em vez de termos 30 jogadores temos 50, e isso é absolutamente arrasador economicamente. É isso que impede o Porto de contratar jogadores reconhecidos, é isso que impede o Porto de aumentar os salários das suas estrelas para as segurar, é isso que faz com que se obriguem a contar todos os tostões quando se trata de reforçar o plantel (ainda por cima sem critério). As dividas de jogo do Reinaldo e as comissões também não ajudam, mas isso como já disse é culpa dos sócios que são cegos e continuam a votar no Pinto da Costa. Ele agradece.
Abram os olhos para bem do Porto
Força Porto

12/7/07 10:20 da tarde  
Blogger pedro said...

Eu acredito que o Ibson merecia mais uma oportunidade, especialmente visto que saiu o Anderson e agora poderá saír o Lucho. É jogador com algumas provas dadas e merecia no mínimo ficar no plantel. Para mim e sem conhecer os reforços ele tinha lugar no onze de caras neste momento. É bastante superior em meu entender ao raul meireles e ao jorginho. Mas esperemos para ver. Não reconheço ao Jesualdo Ferreira grande habilidade a avaliar os jogadores, mas também posso estar enganado. Não acho normal é contratações como Ezequias, Mareque, Renteria, entre tantos outros.

12/7/07 11:12 da tarde  
Anonymous kit said...

E o pitbull foi uma marosca... É Verdade que o Porto teve receitas bem jeitosas, não se percebe o facto de as coisas não estarem já bem encaminhadas.
Eu espero que estejamos todos enganados e que o Pinto da costa ja esteja a ser mais selectivo e a encaminhar o Porto para mais anos de glória na Europa.
Assim é dificil chegar mais longe na champions, nas não é impossivel. Pronto é quase impossivel.

12/7/07 11:24 da tarde  
Anonymous Kit said...

O que lhes vale é que nos amamos este clube!
Eu só fico triste por alguns jogadores que vem de fora dizem que o Porto é uma montra...isso é que me deixa despedaçado... :(

12/7/07 11:27 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Em democracia a asneira è livre.

12/7/07 11:40 da tarde  
Blogger F.C.Limpa Tudo said...

Caro Pedro

”Julho de 2005... algures num Blog portista: “Sou dos que pensam que o Pepe não vale a ponta de um corno(...)”

Esta frase colocada pelo Anibal no post anterior diz tudo. Em parte concordo com o que escreve, mas tem também que considerar a opinião do treinador, bem como as declarações do pai, que tornaram insustentável a sua manutenção.

Quanto à política de contratações, penso que devemos dar tempo ao tempo. Repare um exemplo, na equipa de sub 20 do Brasil, ninguém dava nada pelo Leandro Lima, os jogadores que se falavam eram o Pato, Wiliam, ratinho etc.. Todavia quem se tem revelado foi a contratação efectuada pelo F.C.Porto, antes do mundial, senão quanto dinheiro não teríamos de dar a mais pós mundial?

Não existe ninguém que acerta sempre nas contratações. Exemplo: veja o Chelsea, comprou um holandês mulanrouse, (nem sei se é assim que se escreve) e agora já o está a despachar. O sucesso do F.C.Porto no acerto das contratações desde sempre foram de uma percentagem elevada. Se assim não fosse, acha que o Clube teria crescido como cresceu, em todos os domínios?

É evidente que ainda haverá mais contratações, nomeadamente para a defesa, esperemos com calma e confiemos no Presidente.

Ó Ricardo, como não percebes nada de nada, deverias estar caladinho e destilares o teu ódio lá para os lados dos teus amigos da 2ª circular, que será o sitio onde deves sentir bem.

Ps. – O Ibson já foi emprestado ao Flamengo, depois de renovar até 2011.

13/7/07 12:02 da manhã  
Blogger Miguel said...

A juntar à estranha e nunca explicada história com o Adriano até Janeiro e à quase saída do P Assunção... Também acho que o Ibson tem lugar de caras no plantel. E parece-me também que o Jesualdo tem uma certa tendência para o conflito e não consegue dominar o balneário da forma mais correcta (valeu o Baía a época passada).

13/7/07 1:02 da manhã  
Blogger pedro said...

Na minha opinião o Jesualdo pegou num plantel bem construído e em níveis físicos irrepreensíveis, puxados ao limite pelo Sr Adriaanse e soube fazer omelete com esses ovos. Esta época no entanto já vai ser uma prova de fogo, agora é que veremos o que ele vale.
A nível táctico gosto dele, é o esquema que eu escolheria para o Porto e para os jogadores que temos, até aí estamos em acordo, mas temo que a nível de escolha de jogadores e porventura da capacidade de visualizar a sua habilidade e potencial futuro ele seja fraco.

Para acabar um pouco com a polémica da política das transferências que se diz ser tão acertada deixo uma pergunta no ar: quantos destes jogadores vendidos por preços exorbitantes não foram recomendações do Mourinho? O Pepe eu sei que foi..

O Pinto da Costa tem todo o meu apoio, mas não sigo esta direcção de forma cega, nem gosto da política de contratações e dispensas, culminando com irracionalidades como dispensar um Ibson mais que disponível e com muito mais provas dadas neste Porto que Kaz, Bolatti, Luis Aguiar e afins! Por muito bons que sejam, vou fazer meu o slogan do Lula: "não troques o certo pelo duvidoso". Pelo menos não para já.

13/7/07 1:50 da manhã  
Blogger pedro said...

Repare-se que a opinião do Sr Jesualdo Ferreira não é partilhada pela direcção, que empresta o Ibson mas renova até 2011. Claramente um activo. Mais a mais a falta de mão no balneário do Sr Jesualdo é nítida: Bruno Moraes, Ibson, Paulo Assunção, Bosingwa..

13/7/07 1:56 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Vamos fazer subir o nosso Grande FC PORTO nesta votação.

http://www.voteyourteam.com/

Votem e 1 hora depois voltem a votar.

Saudações Dragonianas

13/7/07 2:54 da manhã  
Anonymous dragão_de_lisboa said...

Mas que discussão mais parva.
Para já, não considero o Ibson um certo. E nem os reforços duvidosos. E essa do Mourinho ter recomendado o Pepe, por favor... Até já o Boloni o tinha recomendado. E queres outro que o Mourinho também recomendou? Areias. E agora?
E o Lucho, o Lisandro, o Paulo Assunção, o Quaresma, o Anderson, o Leandro Lima... também foram todos recomendados pelo Mourinho´?
Não sou fan do Jesualdo e já fui mais do Pinto da Costa, mas tenho de dizer que se há ano que me parece que a construção do plantel está a ser feita com pés e cabeça, é este.

13/7/07 6:36 da manhã  
Anonymous amorim said...

Tás muito certo ó Dragão de Lisboa

13/7/07 7:03 da manhã  
Anonymous andre said...

Enquanto me lembrar dos enumeros disparates (apenas relembro jogo contra o Marco e Atlético para a Taça) do Ibson nas últimas épocas, só posso estar totalmente de acordo com a opção encontrada para ele.

13/7/07 9:27 da manhã  
Anonymous eduardo said...

o jornal AS dá quase como certa a ida do Quaresma para o Real Madrid.. tendo como contrapartida a vinda do Baptista para o Porto.

Bem...o nosso sonho de passar para o campeonato espanhol começa a ganhar contornos. é so colocar la o zé o helton e o assunção e aí está o Porto e jogar em espanha:)

13/7/07 9:40 da manhã  
Anonymous amorim said...

É em Espanha q tá o dinheiro...

13/7/07 9:57 da manhã  
Blogger Pedro Reis said...

Pode ser verdade, mas eu olho com muita desconfiança para os jornais espanhóis...
Nunca acertam uma com o nosso FCP, acham que sabem tudo e não sabem nada!
Depois da rábula com o Ricardo Carvalho em 2004, agora não suspeitaram da entrada do Pepe mas logo vieram dizer que não tinham sido 30M mas 12-18M...
O Quaresma e o Lucho tb já os venderam à muito tempo e agora voltam a vender o Quaresma por troca com o Julio Baptista. Duvido, especialmente da troca...

13/7/07 10:04 da manhã  
Anonymous Daniel Pinto said...

Mas o que se passa com a venda de Pepe. Em que se baseiam os espanhois para dizer que foram só 12, 13 milhões, em vez dos 30 referidos no site do FC Porto. FORÇA PORTO!

13/7/07 2:24 da tarde  
Anonymous dragão_de_lisboa said...

O Julio Baptista é um grandissimo jogador. Duvido muito que queira vir para o FC Porto, muito menos com os ordenados que tem. Uma coisa é certa. Com o dinheiro que o clube já empochou este ano, parece-me óbvio que pela falta de necessidade de vender, os passes do Quaresma e do Lucho subam. Aliás, isso parece já ter acontecido com o do Lucho, que passou para 25 milhões, e sou da opinião que se devia elevar a do Quaresma pelo menos para os 30. Mas o ideal, claro, é ficarem os dois.

13/7/07 4:30 da tarde  
Anonymous portista said...

Sinceramente, julgo que o Porto errou a renovar contrato com Ibson. O gajo não convence! E não chega perto do Lucho, como dizes no Post...
É um jogador que não merece vestir a camisola do nosso clube. E fala demais...

13/7/07 5:03 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Estão enganados. O ibson não fala demais. Fala o pai, e disso ele nao tem culpa.
De resto, vai-lhe fazer bem um ano no estrangeiro. Pode ser que cresça como jogador, ou que se valorize.

13/7/07 8:00 da tarde  
Blogger Estilhaço said...

Em relação à notícia do sport.es sobre o possível encontro de contas entre o Chelsea/ Real/ Porto
há algo que ñ faz muito sentido.

O Porto declarava 60 (30 do RC e 30 do Pepe) e recebia menos 18 (os que se dizem que o Chelsea ainda deve) ?

13/7/07 9:03 da tarde  
Anonymous guardabel said...

O Ibson é um flop. Não sabe rematar e falta-lhe lucidez em momentos cruciais do jogo, querendo fazer tudo demasiado depressa. Prefiro de longe o Raul Meireles.

14/7/07 12:36 da manhã  
Blogger GM said...

Concordo com o Guardabel. Ibson é bom em futebol rendilhado, mas falta-lhe objectividade. Não sabe rematar e não sabe fazer passes de longa distância. Destacou-se individualmente num ano em que toda a equipa parecia não saber jogar futebol. Nas oportunidades seguintes, nunca voltou a mostrar nada de mais. Gosto do Ibson apesar de tudo, mas falta-lhe muito para poder substituir o Lucho. E é inibidor de futebol rápido, pois demora muito tempo a soltar a bola. Raul Meireles é bem melhor para além de ser Português.

Relativamente à política de contratações, já que tens o Ibson em tanta consideração, quem o conhecia antes de vir para o Porto? Practicamente ninguém, era um jogador desconhecido. Quem era o Anderson? Uma promessa apenas, que rendeu o que rendeu. Quem era o Pepe? Um jogador mediano que evoluiu enormemente.

Quem era o Diego? Um valor "concreto e provado". Quem era o Luís Fabiano? Outro valor "concreto e provado". O que deram? Nada...

No risco é que está o ganho, e a política de contratações do Porto este ano tem sido muito racional e muito ponderada: investimentos baixos em jogadores jovens e já internacionais, ou empréstimos com opção de compra. Sinceramente, acho bem. Podemos efectivamente reforçar a defesa, principalmente agora com a saída de Pepe, assim como o ataque. Mas n sabemos o que a SAD tem na manga. Vamos esperar, ainda está tudo muito fresco na defesa, e relativamente ao ataque, já sabemos que avançados nunca foram baratos.

Fica bem.

14/7/07 11:17 da manhã  
Anonymous dragão_de_lisboa said...

Parece-me óbvio que o FCP ainda vai contratar um central, por isso estejamos calmos. Em relação ao ataque, é claro que se pretende um ponta-de-lança de topo, mas parece-me que 1º está tudo à espera que chegue alguma proposta pelo Hélder Postiga.

14/7/07 11:48 da manhã  
Blogger  said...

Boa tarde!
Antes de mais,parabéns pelo blog!
Ainda por cima com um tema ligado ao dia-a-dia da maioria de nós!

Convido-o agora a visitar também a acrescentar o meu link à vossa barra de links laterais:

http://aguia-de-ouro.blogspot.com/

Obrigado!

14/7/07 4:33 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

isto morreu

16/7/07 1:10 da tarde  
Blogger Bruno Pinto said...

Gosto do Ibson, penso que é um excelente jogador e que teria lugar no plantel sem grande dificuldade. Mas, sendo realista, há que dizer que nunca aproveitou as oportunidades que Jesualdo lhe deu, e foram algumas. Quando jogou, invariavelmente, desiluiu e eu lembro-me bem de pensar nisto na época passada. Penso que Ibson deveria ficar no plantel mas mais por uma questão de simpatia pessoal e crença no seu valor, do que por aquilo que ele tem jogado.
Não se pode criticar a SAD em tudo e até acho que, tendo renovado com ele, resolveu bem este problema, até porque se o Jesualdo disse não contar com ele para 2007-08, não fazia sentido mantê-lo.

16/7/07 2:45 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Mas porque carga de água é que um jogador cujo contrato foi renovado pela SAD e o treinador não quer no plantel, se responsabiliza a SAD pela sua dispensa?
Foi algum recado do Zirtaev ou o quê?

16/7/07 7:03 da tarde  
Anonymous Dave said...

O Ibson é um jogador com uma técnica acima da média e de muita qualidade mas precisa de ser bem mais persistente e consistente nas suas exibições.
E porque este regresso ao Flamengo poderá não beneficiar a sua carreira deveria ter continuado no futebol portugês ou no europeu para crescer enquanto jogador e ter outras condições para em breve triunfar no FC Porto.

16/7/07 10:48 da tarde  
Blogger anonymus said...

Salve Dragões !!!

Parabéns pelo Blog....bom diálogo trava-se aqui.Em uma simples análise Flamenguista, considero o Ibson jovem demais para arcar com o peso de levar um time como líder, ele precisa ser um coadjuvante, tem boa velocidade e bom passe, ainda vez em quando finaliza bem...se retiras o peso das costas deste garoto ele vai longe. Estamos muito contentes com o retorno do Ibson, que junto com Renato augusto ( Apenas 19 Anos, nº 10 do Flamengo que esteve presente em todas as seleções Brasileiras da base...ainda vai se ouvir muito falar dele)e Roger ( Como referência para vcs acho que era ex Benfica)tem tudo para ser o melhor meio campo do futebol Brasileiro....É torcer para dar certo.

Grande Abraço

17/7/07 6:47 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home