sábado, agosto 19, 2006

He is the Man!

1. Jesualdo Ferreira é o novo treinador do F.C.Porto! É a melhor solução para o imediato, para assegurar alguma tranquilidade face ao inesperado golpe que Adriaanse deu à época 2006/2007. A forma como pegou no S.C.Braga e o transformou na melhor equipa a seguir aos grandes nos último anos, é o seu maior cartão de visita, mas vai precisar de mais do que isso para ser bem sucedido no Dragão. O Braga de Jesualdo Ferreira não era uma equipa ofensiva mas jogava bom futebol, assegurava uma impressionante consistência defensiva, privilegiava as alas para criação de jogo ofensivo e o seu meio-campo conseguia aliar uma forte capacidade táctica com a criatividade dos seus jogadores. É mais ou menos isso que se espera que ele traga ao FêCêPê.
As dúvidas que a sua chegada levanta é a sua capacidade para liderar com sucesso uma equipa na Liga dos Campeões, um dos grandes objectivos para esta época, a forma como conseguirá organizar uma defesa de 4 defesas com as necessárias alternativas para os vários lugares e verificar se tem pulso e coragem de liderar uma equipa que entra sempre para ganhar, seja contra que adversário for! Jesualdo: Tomates... precisam-se!

2. Hoje disputa-se o primeiro troféu da época 2006/2007! Rui Barros, inteligentemente, deverá manter os automatismos do 3x4x3, havendo algumas dúvidas em quais os jogadores que o interpretarão. Se fosse eu a escolher e baseando-me apenas nas exibições que fizeram nos jogos de preparação a equipa deveria ser:
Helton; Bosingwa, Pepe e Cech; Paulo Assunção, Raul Meireles, Ibson e Anderson; Alan, Adriano e Vierinha.
Já agora, escolher Leiria, uma cidade que oficialmente não gosta de futebol e que ainda por cima fica a 200km de distância das cidades do Porto e de Setúbal, para palco da SuperTaça não será contraproducente? Logo veremos!

12 Comments:

Blogger DragãodeÁgueda said...

Alguns comentários sobre o novo treinador do FCPorto:
1- Esta "transferência" causa algum desgaste na imagem do treinador e também do clube, porque não me parece que fique muito na fotografia alguém que força a saída de um clube onde tem contrato. Claro que pode-se sempre argumentar que é uma oportunidade única, etc, etc, mas por princípio não gosto. Não gostei quando o Mourinho nos fez o mesmo para sair, portanto há que manter coerência.
O clube obviamente também sabia e fazia o seu jogo, senão alguma vez o Jesualdo aceitava indemnizar o anterior clube em 1 milhão de euros, se não sobesse que estava coberto?
2- Inequivocamente, a partir de agora será o treinador que vou defender com unhas e dentes.
No entanto estou curioso para ver como vai "armar" a equipa, uma vez que o 4-3-3 por ele utilizado não usa um 10 puro. Como vai meter o Anderson na equipa?
Aguardo para ver, mas desejo-lhe toda a felicidade.

19/8/06 4:28 da tarde  
Blogger Aníbal Letra said...

O Esquema de Mourinho tb não privilegiava um 10 puro e nós tinhamo-lo! Penso que Anderson pode jogar como num meio-campo de 3 elementos, desde que os outros dois elementos sejam fortes do ponto de vista táctico e pelo um deles faça o trabalho de varredor.
Outra possibilidade é arrastar Anderson para uma das Alas, mas penso que lhe retira alguma preponderancia no jogo. Essa talvez seja uma boa alternativa para a Liga dos Campeões: Colocar Anderson como uma vagabundo... mais ou menos ao jeito de Carlos Alberto.

19/8/06 5:09 da tarde  
Anonymous dan said...

O Hugo Almeida marcou mais um golo (o da vitória) e o resto são cantigas!

19/8/06 5:58 da tarde  
Blogger DragãodeÁgueda said...

Dan:
eu sou daqueles que emtendo a saída do Hugo Almeida como (mais)um disparate de Adriaanse.
É evidente que o rapaz não é um Gomes ou um Jardel, mas é um PL como não há mais em Portugal (em termos de compleição física que permita lutar corpo a corpo com os centrais).
O seu percurso goleador nos sub-21 não deve ser obra do acaso.
Parece-me é que da parte de muitos sócios e adeptos do FCPorto há pouca paciência para produtos da casa e querem que se dê um pontapé numa pedra e saia um Jardel....
E volto a recordar: tão importante como o golo de Jorginho em Alvalade foi o de HAlmeida em Coimbra.
PS: lamento este comentário ser off-topic

19/8/06 6:45 da tarde  
Blogger DragãodeÁgueda said...

Aníbal,
pergunta directa: consideras esta contratação de JFerreira uma acção com alguma lisura?
Ou tb preferias, de algum modo, que tivesse ocorrido de outra maneira?
(Eu sei que os tempos não são de romantismos, mas...)

19/8/06 6:47 da tarde  
Blogger Aníbal Letra said...

A lisura de processo é algo que pouca gente procura no futebol. Se perguntassem aos adeptos do Porto a sua opinião sobre a possibilidade de voltarem a ter Deco através de um processo menos lícito... se calhar surpreenderias-te com a % de votos positivos. Preferia que o novo treinador do Porto tivesse vindo para cá com a total anuência do seu anterior clube mas tb acho que João Louleiro está a a encenar um show-off depropositado e em concordado com Jesualdo de modo a não ficar mal na fotografia perante os adeptos axadrezados, que por acaso até têm de ir a votos daqui a alguns meses.
Não penso que a vinda de Jesualdo para o Porto tenha tido pouca lisura de processos. O Porto jogou com as ambições de Jesualdo, tal como um certo Russo jogou com as de Mourinho!

19/8/06 6:57 da tarde  
Blogger DragãodeÁgueda said...

ok.
Entendo a tua opinião e respeito-a.

19/8/06 7:20 da tarde  
Anonymous Daniel Pinto said...

E porque a época começa hoje ca voltei eu ao meu Blog favorito. Acredito na capacidade do Jesualdo para voltar a construir uma grande equipa! FORÇA JESUALDO! Venha mais uma Supertaça! FORÇA PORTO!

19/8/06 8:11 da tarde  
Anonymous andre said...

Falar no Hugo Almeida como uma grande perda, é para mim, completamente despropositado.
Não concordo com o PdC quando diz que o prefere em relação ao Hesselink.

Vamaos ser honestos. O HA é um verdadeiro "cêpo".

Nos sub21 vimos o Europeu que fez.

No FCP chorou pelas oportunidades. Teve-as e apenas em 2 jogos foi decisivo. (Madeira e Coimbra).

Eu vi os jogos todos do FCP no Dragão e as movimentações do HA são absultamente primárias.

Até pode marcar 10 golos na Alemanha (não me acredito), mas que não serve para o FCP lá isso não serve.

O melhor avançado a jogar em Portugal é o Liedson (pena não ter vindo para o FCP em Dezembro do ano passado... foi por pouco) e não tem 192cm e 90Kg...

20/8/06 12:31 da tarde  
Blogger DragãodeÁgueda said...

Andre:
o europeu sub 21 do HA não apaga o facto de ter marcado em todos, repito todos, os jogos de qualificação da Selecção.
O Europeu que fez foi tão mau quanto o Pauleta foi no Euro e no Mundial. Acresce a isto que nos sub 21 o HA estava lesionado (via-se à vista desarmada) e não teve ninguém a jogar nadinha para o servir (nem Quaresma, nem Moutinho, nem ninguém). O Pauleta teve sempre jogadores a fazer bons jogos e a servi-lo (Figo, Simão, CRonaldo)....
Quanto às oportunidades que o HA teve: quantos jogos fez a titular? 4? Isso são oportunidades? Vejo jogadores bem mais velhos a pedi-las e a dizer que jogar 10-15 minutos dá para muito pouco....
Mas conforme já disse penso que no caso do Hugo Almeida se aplica a velha máxima: "Santos da casa não fazem milagres".
Eu continuo a achar que poderíamos dali tirar mais valias no futuro.
Respeito a opinião de quem acha o contrário.

20/8/06 2:51 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Se é portista visite este forum :

http://www.setbb.com/fcp/

ajude esta comunidade crescer.... Participe....

FCP FOREVER

20/8/06 9:17 da tarde  
Blogger Pedro Reis said...

Concordo com o André, para mim o Hugo Almeida é limitado e não serve para o FCP. Obviamente que o PdC se estava a "esticar" quando diz que ele era melhor que o Hesselink. Haja algum decoro...

Alguém viu os 2 golos q o HA marcou pelo Werder Bremen nas 2 primeiras jornadas? Em "ambos os dois" a bola estava a um palmo da linha de golo e foi só encostar. É verdade que ele estava lá, mas foram só meios golos... E para quem viu o resumo do jogo (podem ver no site Youtube), pode ver pelo menos um falhanço do HA a passe do Klose perfeitamente inacreditável!

É bom que não nos deixemos "emprenhar" pelo que escrevem os pasquins. Já sabemos todos onde é que eles querem chegar!

P.S. O Diego esse sim tem jogado muito bem, mas a verddade é que cá não brilhou por aí além, ao contrário do Anderson por quem eu definitivamente nunca o trocaria.

21/8/06 10:50 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home